13 de jul de 2010

Vencedores do Luiz Beltrão 2010

Os vencedores do prêmio Luiz Beltrão 2010 nas Categorias “Maturidade Acadêmica” e “Liderança Emergente” deste ano são, respectivamente, Lucia Santaela e Rogério Christofoletti. Já o Grupo de Bauru e Fundação Joaquim Nabuco são premiados nas categorias “Grupo Inovador” e “Instituição Paradigmática”. A entrega dos diplomas será realizada no dia 5 de setembro próximo, às 20 horas, no Personal Royal Hotel, em Caxias do Sul (RS), durante o 33º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação.

Lúcia Santaella é professora titular no programa de Pós Graduação em Comunicação e Semiótica da PUC-SP, onde coordena o curso de Pós-graduação em Tecnologias da Inteligência e Design Digital, é também diretora do CIMID — Centro de Investigação em Mídias Digitais e Coordenadora do Centro de Estudos Peirceanos.

Santaella é uma das principais pesquisadoras do campo da Semiótica no Brasil. Seu trabalho, reconhecido nacional e internacionalmente, estende-se às áreas da Comunicação, Semiótica Cognitiva e Computacional, Estéticas Tecnológicas e Filosofia e Metodologia da Ciência.

O jornalista e professor Rogério Christofoletti, por sua vez, criou, organizou e comandou o Monitor de Mídia. É um dos mais destacados líderes da Rede Nacional de Observatórios da Imprensa. Christofoletti é graduado em Comunicação Social Jornalismo (UNESP, 1994), mestre em Lingüística (UFSC, 1999) e doutor em Ciências da Comunicação (USP, 2004).

Pesquisador em Produtividade do CNPq (nível 2), Christofoletti é professor do Departamento de Jornalismo da UFSC, onde também atua no Programa de Pós-Graduação. Tem artigos publicados em periódicos especializados no Brasil, Portugal, Peru, Equador e Colômbia. É autor de três livros e co-organizador de outros quatro.

Como pesquisador, já desenvolveu projetos de investigação científica com financiamento do CNPq, Fapesc, UOL, ANDI e UNESCO. De 2002 a 2004, foi vice-presidente do Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina. De 2005 a 2009, coordenou a Rede Nacional de Observatórios de Imprensa (Renoi). Desde 2009 é um dos líderes do Observatório da Ética Jornalística (objETHOS). É membro do Conselho Científico da SBPJor, e editor da revista Estudos em Jornalismo e Mídia (UFSC). Coordena o Prêmio Adelmo Genro Filho na SBPJor.

GRUPO DE BAURU - Além de editar a revista Comunicação Midiática, o Grupo de Bauru tem mantido sintonia permanente com a comunidade de ciências da comunicação, atraindo para o seu campus eventos do porte do Regiocom – Colóquio Internacional de Comunicação para o Desenvolvimento Regional, Compós – Encontro Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação Social, Ulepicc – Congresso da União Latina de Economia Política da Comunicação e da Informação, Celacom – Colóquio Internacional da Escola Latinoamericana da Comunicação, e promovendo eventos inovadores, como os recentes Seminário Internacional de Televisão Digital, o LECOTEC – Seminário de Comunicação, Tecnologia e Educação Cidadã, Seminário de Comunicação e Ciência, e o Seminário de Estudos Avançados em Jornalismo.

Pesquisadores vinculados ao Grupo de Bauru têm se projetado na comunidade nacional de ciências da comunicação, entre eles Ana Silvia Médola, Antonio Carlos de Jesus, Luciano Guimarães, Juliano Mauricio de Carvalho, Célia Retz dos Santos, Marcelo Bulhões e Zeca Marques. Da mesma forma, o Grupo vem atraindo pesquisadores estrangeiros para desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão, como por exemplo, Jean Servaes (Austrália), Francisco Sierra (Espanha), Jorge Pedro de Sousa (Portugal). O Grupo de Bauru também sedia órgãos de reconhecida utilidade pública, agregados ao Centro de Rádio e Televisão Cultural e Educativa, que mantém a Rádio UNESP FM e a TV Digital da UNESP.

Completando a lista dos premiados, a Fundação Joaquim Nabuco recebe o prêmio na categoria Instituição Paradigmática. Trata-se de instituição pública mantida pelo Ministério de Educação em Recife (PE), cuja contribuição à preservação e difusão da memória midiática constitui um paradigma para outras instituições nacionais. Em 2010, comemora-se o centenário da morte do seu patrono, Joaquim Nabuco, e os 110 anos do nascimento do seu fundador, Gilberto Freyre.

Sua missão institucional é produzir, acumular e difundir conhecimentos, resgatando e preservando a memória, bem como promovendo atividades científicas e culturais, visando à compreensão e ao desenvolvimento da sociedade brasileira, prioritariamente a do Norte e do Nordeste do país.

2 comentários:

susana disse...

Creo que Mick Jagger ya debe estar de vacaciones ; )

En serio, muchas felicidades por todo, especialmente por el reconocimiento de Intercom, que seguro que es super merecido

Te deseo aún más éxitos

La mejor semana del año todavía está por llegar!

Un abrazo y muchas felicidades de nuevo

Susana

Demétrio de Azeredo Soster disse...

Susana, creio que você se enganou quanto ao comentário: os premiados foram Lucia Santaela e Rogério Christofoletti. Grande abraço.