27 de mai de 2011

Certos momentos em Londrina

Registro da presença o Curso de Comunicação da Unisc no Intercom Sul 2011, realizado na Unopar e na UEL, em Londrina, cidade bacana ao norte do Paraná.

Lá atrás: Vanessa Kannenberg, Daiane Holdefer, Vanessa Costa de Oliveira.
Agachadas, Taissi Cardoso, Desirè Allraan, Anna Laura Neumann
e Marília Nascimento. E eu.
Parte dos acima citados em pose estilosa. Ou quase

25 de mai de 2011

Por que hoje não é domingo

Por que hoje não é domingo, segue abaixo a prova cabal que (ainda) há vida na face da terra: dias atrás, na Comunicação da Unisc, Juliano, um jovem apaixonado, invadiu a aula de Paola, aluna do jornalismo, o sax na mão, e disparou um glorioso pedido de casamento.

Que seja eterno enquanto dure, como diria o poeta.

E que tenham longa e fértil vida os noivos!

Narrativas midiáticas contemporâneas

As inscrições para a disciplina de Narrativas Midiáticas Contemporâneas, que lecionamos, Fabiana Piccinin e eu, no Programa de Pós-graduação em Letras (PPGL) da Unisc, já estão abertas.

As aulas se iniciam no próximo dia 11 de junho, sábado.

A idéia é discutirmos as complexificações que se estabelecem no campo da comunicação a partir de sua imbricação com a literatura, e desta em sua confluência com a comunicação.

A perspectiva abordará, de um lado, dispositivos impressos (jornais, revistas, livros etc.), enquanto que, de outro, audiovisuais (filmes, documentários etc.).

São 12 encontros, com previsão de um recesso de inverno entre os dias 18 e 29 de julho. O término está previsto para dia 10 de setembro.

Para inscrição é necessário o preenchimento do Requerimento de Matrícula - Aluno Especial (anexo) e cópia do RG, CPF, histórico escolar e diploma da graduação, além do curriculum vitae. Os interessados devem enviar a documentação para a Secretaria do Mestrado - UNISC (endereço abaixo).

Após parecer da Coordenação, a secretaria contactará os candidatos.

Mais informações pelo site do PPGL.

22 de mai de 2011

Correria, um grande evento da Unisc

As fotos abaixo, realizadas por Cesar Lopes, aluno do Curso de Fotografia, traduzem um pouco do que foi o evento Correria, que os professores Yhevelin Guerin, Cesar Steffen e Adriano Moritz, da PP, coordenaram neste sábado na Comunicação da Unisc.

O mesmo em relação ao vídeo ao final deste post, realizado pela moçada da Agência Experimental da Produção em Mídia Audiovisual (PMA).
O clima da comemoração final dá uma idéia do que foi o Correria
A proposta foi a seguinte: as equipes inscritas no evento teriam de realizar, no prazo de oito horas, com direito a pizza ao meio-dia, uma campanha para a Asan, entidade assistencial de Santa Cruz do Sul que abriga 75 idosos carentes.

O briefing da Campanha estava focado na necessidade de se realizar o calçamento na instituição.

Ao final, uma surpresa, duas: o juri escolheu duas equipes vencedores, ao invés de uma; ambas compostas por alunos que estão chegando ao Curso de Comunicação da Unisc, que ganharam uma viagem a Gramado, para o Festival Mundial de Publicidade, e estágio na Agência AMA, de Porto Alegre.

As vencedoras foram a equipe Disparadas, formada pelas alunas Giulia Mundstock, Cauana Rubert, Luisa Ziemann Giuliane da Silva, e a equipe Chan, composta por Laudir Laureano Jaeger, Michelle Schwertz Machado, Rafael Dutra e Gabriel Coimbra Antunes.
Vencedores e coordenadores, na foto "oficial" do Correria
O juri foi formado, de um lado, por Miriam Etges, secretária executiva da Asan, enquanto que, de outro, por Miltinho Talavieira e Paula Lucce, da DCS.

Abaixo, o vídeo realizado pela galera da Agência Experimental de PMA by Unisc:

20 de mai de 2011

Vídeo registra 1º EGEJ e 1º FSPJ

O pessoal da Agência Experimental de Produção em Mídia Audiovisual (PMA) da Unisc, onde leciono, realizou um vídeo-documentário sobre os 1º Encontro Gaúcho de Ensino de Jornalismo (1º EGEJ) e 1º Fórum Sul-brasileiro de Professores de Jornalismo (1º FSPJ), que realizamos dias 8 e 9 de abril, em Santa Cruz do Sul.

Foram momentos, os 1º EGEJ e 1º FSPJ, muito marcantes, seja em nível de ensino, pesquisa e extensão em jornalismo, à medida que reuniu, pela primeira vez, cerca de 150 professores e estudantes de instituições das três regiões do Sul do Brasil, bem como proporcionou a todo o pessoal envolvido na organização e realização uma experiência ímpar em eventos dessa natureza.

Tanto o 1º EGEJ quanto o 1º FSPJ foram etapas preparatórias ao encontro nacional do Fórum Nacional dos Professores de Jornalismo (FNPJ), que se realiza em 2012, na cidade mineira de Uberlândia.

O vídeo:

19 de mai de 2011

Focas do Q? se iniciou essa semana

O projeto de extensão Focas do Q?, que toco, pela Unisc, em parceria com o Caderno Q?, suplemento jovem do jornal Gazeta do Sul, aqui de Santa Cruz do Sul, iniciou-se essa semana. Pela Gazeta, o Focas é coordenado por Jansle Appel, editor, e Gelson Pereira, editor gráfico.

A foto, de Letícia Lorensini, aluna de Produção em Mídia Audiovisual, retrata um momento da primeira reunião do Focas:


São 14 alunos, das habilitações de jornalismo, relações públicas e produção em mídia audiovisual que terão como incumbência, nessa sétima edição, de dar conta de uma edição completa do Q?, e estabelecer, por meio da web.

Já o registro abaixo, feito após do encontro, é de Marília Nascimento.

13 de mai de 2011

Extensão focada no Ensino Médio

Demos início, na tarde de hoje (sexta, 13/5), à 4ª edição do projeto de extensão Bate-papo Pilhado!, parceria entre o Curso de Comunicação Social da Unisc com o jornal Folha do Mate, de Venâncio Aires.

A idéia, uma vez mais, é permitir que os alunos interfiram, por meio de seu conhecimento, nas práticas realizadas pelo mercado de trabalho, focados, no caso do Bate-papo Pilhado, em um evento voltado para os alunos do Ensino Médio. Com isso, também são interferidos pelas práticas de mercado, qualificando ainda mais o que estudam e praticam nas salas de aula e laboratórios da Unisc.

Total de 18 alunos das habilitações de jornalismo, publicidade e propaganda, produção em mídia audiovisual, relações públicas e fotografia integram o evento.

A coordenação, pela Comunicação, é minha; pela Folha do Mate, de Ana Flávia Hantt e Diana de Azeredo, também alunas do curso.

Abaixo, registro das primeira reunião do grupo, em foto de Carolina Appel, da Agência Experimental de Jornalismo:


11 de mai de 2011

Projeto @arautonarede

Mais um projeto de extensão começa a sair do papel, dessa vez parceria do Curso de Comunicação da Unisc com o Jornal Arauto, de Vera Cruz (RS).

Chama-se @arautodarede.

O foco é multimídia, o público-alvo são alunos de publicidade, jornalismo, produção em mídia áudiovisual, relações públicas e fotografia da Unisc.

Clique na imagem para ampliá-la.

Seminário de Pesquisa Brasil-Argentina

Rogério Christofoletti informa que estão abertas as inscrições para o 1º Seminário Brasil-Argentina de Pesquisa e Investigação em Jornalismo (Bapijor).

Dias 9 e 10 de junho em Florianópolis, na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

As inscrições, gratuitas e limitadas a 150 vagas, podem ser feitas através do site www.bapijor.ufsc.br, onde também estão disponíveis mais informações e a programação completa.

Segue o release: "Pioneiro e inovador, o seminário tem como objetivo expor, debater e dialogar sobre a realidade da profissão e da academia nos dois países. Para isso, contará com a participação de renomados pesquisadores e jornalistas brasileiros e argentinos.

O seminário tem realização do Observatório da Ética Jornalística – objETHOS – e promoção do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo da UFSC, com patrocínio da FAPESC – Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina.

Tem o apoio, ainda, da ABRAJI – Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo, ACI – Associação Catarinense de Imprensa, FAPEU – Fundação de Amparo à Pesquisa e Extensão Universitária e PRAE – Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis da UFSC".

Um talento chamado Killy Freitas

Meu virtuoso amigo Killy Freitas, de quem ainda muito ouviremos falar, andar abusando talento, sensibilidade e competência.

Na semana passada (sexta, 6/5) lançou, com muita propriedade e vigor, seu primeiro CD, o D´Alma, instrumental.

Na Livraria Cultura do Bourbon Country, em Porto Alegre.

Eu e Verônica estivemos lá.

O trânsito infernal da BR 116 e da Nilo Peçanha quaaaaaaaaaaaaaaaaaaaase nos fizeram perder o pocket show que antecedeu os autógrafos, mas chegamos em tempo de curtir Villa Lobos em cordas by Killy e abraçar esse nosso amigo querido.

Eu, Killy Freitas e Verônica
Agora Killy convida para o lançamento de D'Alma na Fundação Ecarta, de cujo edital ele foi um dos oito selecionados.

Será dia 14, sábado, às 18 horas.

Estará acompanhado pelo tecladista, violoncelista e acordeonista Jairo Padilha.

A Ecarta fica na Avenida João Pessoa, 943. O telefone é (51) 4009.2970


Sobre Killy Freitas

Guitarrista, violonista e compositor, é professor de música, guitarra e violão há 20 anos. Participou de vários CDs, como Dança do Tempo, do músico Renato Sperb (MPB/Rock); O Primeiro Festival de Música Instrumental do R.S( Jazz/ Rock ) ; e Olhos na Pista, da banda Íris Ativa (Pop/Rock); e no musical Enquanto os Anjos tomam Coca-cola, dirigido pelos premiados artistas Camilo de Lélis e Lígia Riggo.

Foi integrante da Orquestra Profana de Porto Alegre, que interpretava partituras originais de música erudita usando exclusivamente guitarras elétricas e sintetizadores. Participação no espetáculo Viagem a Lorca, apresentado em duas temporadas, com grande sucesso em Santa Cruz do Sul. Com direção de Simone Bencke, da Cia de Teatro Camarim. Recentemente fez shows e participações pela Espanha e Chile.

Talentos da Comunicação, fase 2

Mais um projeto de extensão, dentre os que coordeno na Unisc, iniciou-se na tarde de quarta-feira, 11.

Trata-se do "Talentos da Comunicação", parceria entre o Curso de Comunicação da Unisc e o Grupo Gazeta de Comunicação.

A idéia é permitir que os 22 alunos das cinco habilitações da Comunicação - jornalismo, publicidade, fotografia, relações públicas e produção em mídia audiovisual - convivam pelo período mínimo de 50 horas nos setores e veículos do Grupo Gazeta, o maior da região Centro do Estado.

Em convivendo, permitem que seu conhecimento interfira e seja interferido pela prática do mercado, qualificando um e outro.


A equipe ficou assim constituída:

Andréia Bueno, Ani Camila Jantsch, Cassiane da Silva Rodrigues, Lucas Dalfrancis da Silva, Marluci Fontana Drum, Raisa Machado, Thamires Waechter, Vanessa Schuler e Wiliam José Lopes Reis do curso de Jornalismo.

Pelo de Fotografia, Cesar Lopes, Jaíne Radiske Kunde e Luís Habekost.

Representando a habilitação de Produção em Mídia Audiovisual, Anderson Daniel Rohr, Guilherme Pochmann dos Santos e Luvanor Silveira dos Santos.

Os alunos de Publicidade e Propaganda são: Ana Claudia Silva, Diego Camara Lopes, Gabriela Golin de Vasconcellos, João Paulo Coletto da Silva e Luana Cristina Knod.

Já Relações Públicas está representada por Vanessa Britto Vighi e Natália Machado.

Os coordenadores do projeto pela Gazeta do Sul são Romeu Neumann, diretor de redação, e Maria Rosilaine Zoch Romero, chefe de redação.

5 de mai de 2011

Teleweb Trem das 9

Na disciplina de jornalismo on-line, que leciono na Unisc, estamos trabalhando imagens em movimento no que elas têm de jornalístico.

A idéia é pensarmos em trabalhar esse nível de linguagem para além dos videocasts e do outsourcing, cada vez mais usual nas organizações de médio e grande portes, naquele formato que chamamos de teleweb.

Sobretudo, estamos experimentando.

O vídeo abaixo, o passo inicial de uma série, é um primeiro movimento que a moçada da disciplina realizou nesse sentido.

Ele se encontra postado no Agência Lab 9, o blog da disciplina.

3 de mai de 2011

Curso de PP da Unisc prepara ação

Moçada da PP, by Unisc, está preparando uma bela e boa surpresa.

O que será, hein?

Logo, logo eu conto...

1 de mai de 2011

Sobre erros e ouvidores

Suzana Singer, ombudsman da FSP, escreve nesse domingo sobre a prática de revelar a autoria dos erros, coisa que a Folha o faz, mais recentemente, por meio da explicitação do nome do repórter envolvido na matéria.

Aos olhos do senso-comum (nossas tidos e tias, amigos etc.) está correto: errou, tem de dizer quem, como e por quê, coisa, aliás, que ainda não acontece, o tal do dizer por quê.

Ocorre que, em jornais, e em especial das grandes estruturas, o nome que vai assinado junto à matéria representa apenas parte da autoria da mesma: ao longo do processo de elaboração de uma edição, a matéria sofre interferências as mais diversas, nem todas brandas, nem todas adequadas.

Por isso é complicado atribuir méritos, e defeitos, a uma só pessoa, como normalmente ocorre, sendo mais acertada a ubíqua "erramos".

Felizmente essa é a posição defendida por Singer na coluna "Eu erro, tu erras, ele erra".

Ponto para um espaço que, aos meus olhos, tem perdido muito de seu vigor desde a saída de Mário Magalhães, pelos motivos que ele explicitou em sua última coluna.

(Em tempo: não deixa de ser curioso que, mesmo sabendo disso, os jornalistas só se importam com as interferências negativas em seus textos; as positivas parecem não vir ao caso, ou são compreendidas como naturais. Ao final, se tudo der certo, os méritos são de quem assina, o mesmo não ocorrendo em relação aos erros, mas esse é assunto para outro post.)

Porque hoje, afinal, é domingo

Saudades desse AC/DC.