23 de mar de 2010

Uma (bela) sacada chamada Bookess

Diego Remus, amigo e um de meus primeiros alunos da Unisc, está dizendo a que veio, e bem.

Vejam (trecho do) e-mail que recebi dele, a partir da constatação que uso principalmente PDFs neste blog para disponibilizar livros:

"ao invés de hospedar em um site e fazer os leitores baixarem novamente,
que tal subir os livros para um visualizador online onde as pessoas podem simplesmente... folhear... e embedar em outros sites... e baixar se vc deixar.... inclusive em celulares.. ou no Kindle... gratuitamente ou, se vc quiser, pagando?

isso acontece na Bookess.com

um piá de 18 anos do interior do RJ, que inventou nas horas livres, conquistou investidores-anjo (capital semente + gestão) e incubadora em Floripa, apareceu na Época Negócios ao lado do Romero (do Buscapé), foi avaliado como um dos 10 melhores serviços de ebooks do mundo (pela CEO World) e uma das startups a se ficar de olho em 2010 (júri de especialistas da ResultsOn)

em outras palavras, é um SlideShare brasileiro focado não em slides com imagens, mas em páginas com texto. um dispositivo e uma rede social (de leitura).

exemplo: http://www.bookess.com/profile/diegoremus/"

Uma mostra do que Diego nos promete, por meio do Bookess.com, é o seguinte:


Legal, não?

Entra lá. Confere: http://www.bookess.com/

1 comentários:

Willian disse...

Realmente interessante.

E o aspecto de folhear me parece mais interessante do que as opções disponíveis no drop.io, por exemplo.

Além de ter outros recursos bacanas. Good tip!